Tag: Rafael dos Anjos

UFC Raleigh: Michael Chiesa supera Rafael dos Anjos por pontos

Não deu para o brasileiro Rafael dos Anjos na co-luta principal do UFC Raleigh neste sábado (25). Pela divisão dos meio-médios, o brasileiro mais uma vez não mostrou um bom desempenho e acabou superado, dessa vez contra o americano Michael Chiesa na decisão unânime

A luta: Mais baixo que o americano, Rafael dos Anjos iniciou a luta estudando o adversário buscando encurtar a distância. Em aproximação, o brasileiro conectou um golpe no americano, que respondeu levando a luta para o solo e conseguindo ir para as costa de Rafael. No chão, Chiesa começou a atacar o pescoço do brasileiro com um mata-leão, mas dos Anjos manteve a calma e segurou o ímpeto do americano, conseguiu sair e a luta voltou a ficar em pé. Nos segundos finais, Michael conseguiu quedar o atleta brasileiro.

Na volta para o segundo round, Rafael dos Anjos atacou com um chute na perna, em seguida Chiesa respondeu com um jab. Depois em um golpe de encontro, Chiesa foi para o chão, mas logo o americano se levantou. Visivelmente cansado, Chiesa foi atingido mais algumas vezes com o chute baixo, entretanto, levava a melhor quando buscava a luta de solo.

No terceiro round, o confronto seguiu mais movimentado no jogo de chão. Chiesa prosseguiu superior, dominando Rafael dos Anjos com tentativas de finalização, enquanto Rafael apenas se defendia. Praticamente todo o round se desenvolveu no chão, com o americano emplacando os melhores ataques.

Em decisão oficial dos juízes laterais, Michael Chiesa foi declarado o vencedor por decisão unânime. Rafael dos Anjos amarga a segunda derrota consecutiva a continua com uma sequência negativa, agora de quatro derrotas nas últimas cinco lutas. Em momento contrário, Chiesa emendou a terceira vitória seguida.

RESULTADOS DO UFC RALEIGH:

CARD PRINCIPAL:

Peso pesado: Curtis Blaydes venceu Júnior Cigano por nocaute técnico no segundo round
Peso meio-médio: Michael Chiesa venceu Michael Chiesa por decisão unânime (30-27, 29-28, 29-28)
Peso mosca: Alex Perez venceu Jordan Espinosa por finalização (katagatame) aos 2:33 do R1
Peso palha: Angela Hill venceu Hannah Cifers por nocaute técnico (socos) aos 4:26 do R2
Peso meio-pesado: Jamahal Hill venceu Darko Stosic por decisão unânime (29-27, 29-27, 29-27)

CARD PRELIMINAR: 

Peso médio: Bevon Lewis venceu Dequan Townsend por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-27)
Peso pena: Arnold Allen venceu Nik Lentz por decisão unânime (29-28, 29-28, 30-27)
Peso mosca: Justine Kish venceu Lucie Pudilova por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-27)
Peso galo: Montel Jackson venceu Felipe Cabocão por decisão unânime (30-26, 30-26, 30-25)
Peso galo: Sara McMann venceu Lina Lansberg por decisão unânime (30-27, 30-26, 30-25)
Peso galo: Brett Johns venceu Tony Gravely por finalização (mata-leão) aos 2:53 do R3
Peso pena: Herbert Burns venceu Nate Landwehr por nocaute (joelhada) aos 2:43 do R1

Curta o ‘Tudo Sobre MMA’ no Facebook! 

Rafael dos Anjos e Leon Edwards fazem a luta principal do UFC San Antonio

O UFC confirmou a luta principal de sua próxima edição no Texas. No dia 20 julho, a organização vai desembarcar em San Antonio com Rafael dos Anjos e Leon Edwards encabeçando o evento, em um duelo na categoria dos meio-médios. O portal “Yahoo” confirmou a notícia.

Leia também: Lenda do jiu-jítsu, Rodolfo Vieira assina com o UFC e estreia em agosto

Rafael dos Anjos busca engatar nova sequência positiva na carreira, já que se recuperou de sequência negativa ao finalizar Kevin Lee no UFC Rochester.

Leon Edwards tenta se aproximar de uma disputa de cinturão, ele vêm em uma sequência positiva tendo vencido nomes como Vicente Luque, Donald Cerrone e Gunnar Nelson.

UFC San Antonio
20 de julho, no Texas (EUA)
CARD DO EVENTO (até o momento):
Peso-meio-médio: Leon Edwards x Rafael dos Anjos
Peso-mosca: Liz Carmouche x Roxanne Modafferi
Peso-pesado: Alexey Oleynik x Walt Harris
Peso-galo: Raquel Pennington x Irene Aldana
Peso-pena: Alex Caceres x Steven Peterson
Peso-meio-pesado: Sam Alvey x Klidson Abreu
Peso-galo: Mario Bautista x Jim Soo Son
Peso-galo: Felipe Cabocão x Domingo Pilarte
Peso-pesado: Andrei Arlovski x Ben Rothwell
Peso-leve: Francisco Massaranduba x Alexander Hernandez
Peso-pesado: Juan Adams x Greg Hardy
Peso-galo: Ray Borg x Gabriel Silva
Peso-leve: James Vick x Dan Hooker

Foto: Getty Images

“Quase” todos brasileiros vencem em Rochester

Com uma legião de brasileiros, o Ultimate desembarcou sua mega estrutura em Rochester (EUA) neste sábado (18). Liderando o evento, o brasileiro Rafael dos Anjos voltou ao caminho das vitórias ao derrotar o americano Kevin Lee. O ex-campeão dos leves resistiu a pressão do wrestling do americano e terminou a luta com um katagatame no quarto round.

Na co-luta principal, o brasileiro Antônio Cara de Sapato não teve a mesma sorte. Campeão mundial de jiu-jitsu, Cara de Sapato até iniciou bem o confronto, entretanto, Ian Heinisch acabou neutralizando e saindo o vencedor por decisão unânime. Vicente Luque, Charles do Bronx e Davi Ramos também garantiram a vitória verde e amarela. Os dois primeiros saíram vitoriosos por nocaute técnico, enquanto Davi Ramos aniquilou Austin Hubbard na decisão dos juízes.

E o primeiro brasileiro a entrar em ação em Rochester foi Michel Pereira. O “paraense voador” não decepcionou e sem dúvidas fez uma das melhores estreias brasileiras no UFC. O peso-meio-médio não se intimidou com o inglês Danny Roberts, e com um nocaute espetacular – joelhada voadora e um direto de direita no primeiro round -, deixou o público da Blue Cross Arena em êxtase com uma performance que garantiu também um bônus da noite pela performance.

RESULTADOS DO UFC ROCHESTER:

CARD PRINCIPAL
Rafael dos Anjos venceu Kevin Lee por finalização aos 3m47s do quarto round
Ian Heinisch venceu Antônio Cara de Sapato por decisão unânime (29-28, 29-28, 29-28)
Felicia Spencer venceu Megan Anderson por finalização aos 3m24s do primeiro round
Vicente Luque venceu Derrick Krantz por nocaute técnico aos 3m52s do primeiro round
Charles do Bronx venceu Nik Lentz por nocaute técnico aos 2m11s do segundo round
Davi Ramos venceu Austin Hubbard por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-27)

CARD PRELIMINAR
Aspen Ladd venceu Sijara Eubanks por decisão unânime (30-26, 29-27 e 29-28)
Desmond Green venceu Charles Jourdain por decisão unânime (30-27, 30-27 e 29-28)
Michel Pereira venceu Danny Roberts por nocaute a 1m47s do primeiro round
Grant Dawson venceu Mike Trizano por finalização aos 2m27s do segundo round
Ed Herman venceu Patrick Cummins por nocaute técnico aos 3m39s do primeiro round
Zak Cummings venceu Trevin Giles por finalização aos 4m01s do terceiro round
Julio Arce venceu Julian Erosa por nocaute a 1m49s do terceiro round

Rafael dos Anjos responde desafio feito por Stephen Thompson

Rafael dos Anjos enfrenta Kevin Lee no UFC Rochester

A luta principal do UFC Rochester está confirmada. Conforme noticiou inicialmente o jornal “Democrat and Chronicle”, o brasileiro Rafael dos Anjos irá enfrentar o americano Kevin Lee na divisão dos meio-médios no dia 18 de maio, no estado americano de Nova York.

Após uma sequência positiva na divisão até 77kg de três vitórias consecutivas, Rafael dos Anjos chegou para uma disputa de cinturão interino da categoria contra Colby Covington, onde acabou derrotado na decisão unânime. Em sequência, perdeu novamente, dessa vez contra Kamaru Usman, também na decisão dos árbitros laterais.

Leia também: TJ Dillashaw é flagrado em exame antidoping e abdica do cinturão 

Kevin Lee fará sua estreia no peso meio-médio. O americano vem de derrota para Al Iaquinta por decisão unânime. Um fator decisivo para mudança de categoria de Lee, foi os recentes problemas para bater o peso. Contra Tony Ferguson, Lee ficou acima por 450g. Com o mesmo peso acima do limite, o americano também foi multado em luta contra Edson Barboza.

CARD DO EVENTO ATÉ O MOMENTO:

Peso-meio-médio: Rafael dos Anjos x Kevin Lee
Peso-galo: Aspen Ladd x Sijara Eubanks
Peso-médio: Trevin Giles x Zak Cummings
Peso-meio-pesado: Patrick Cummins x Ed Herman
Peso-pena: Mike Trizano x Grant Dawson

Foto: Brandon Magnus/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images

Kamaru Usman domina e vence Rafael dos Anjos na luta principal do TUF Finale 28

Na luta principal do TUF Finale 28, nesta sexta para sábado em Las Vegas (EUA), o brasileiro Rafael dos Anjos acabou superado por Kamaru Usman na decisão unânime. O nigeriano dominou o brasileiro do início ao fim e emplacou o nono triunfo consecutivo no UFC

A luta: Kamaru Usman começou aplicando um jab no brasileiro. Em aproximação, Usman levou Rafael para a grade. No clinche, Rafael rapidamente saiu do raio de ação do nigeriano. Ambos foram para trocação franca, em sequência, Kamaru quedou o brasileiro. Em posição de controle, Usman segurou Dos Anjos de costas para a grade, Rafael esboçou uma reação com um joelhada voadora, mas não conseguiu frear o ímpeto do nigeriano. Na reta final, Usman novamente levou Rafael para o solo. Em posição de desvantagem na reta final, de costas para grade, Rafael acertou uma forte pedalada de encontro.

Na segunda etapa, Kamaru novamente buscou agarrar Rafael. Outra vez de costas para o chão, Usman amassava o brasileiro, que tentava fugir desferindo socos e cotoveladas. Mesmo em posição de desvantagem, Rafael por pouco não conseguiu uma finalização na kimura, em giro, Kamaru conseguiu escapar.

No terceiro round, o confronto esquentou com ambos partindo para trocação franca em aproximação de Usman.  Rafael dos Anjos seguia atacando com chutes baixos, quando Kamaru mais uma vez levou a luta para o solo. Rafael dos Anjos tentou novamente uma finalização por baixo, mas não obteve êxito. Nos segundos finais, o embate se desenvolveu com os dois na troca franca de golpes,

Com mais gás, Kamaru Usman prosseguiu superior no quarto round. O nigeriano continuou controlando Rafael no chão, que visivelmente exausto, se tornou presa fácil para Usman. O ground and pound de Kamaru seguia avassalador, com uma forte sequência de cotoveladas.

Em mais um round de amplo domínio, Kamaru Usman amassava Rafael na grade no quinto round. Em uma tentativa de queda, Rafael dos Anjos buscou surpreender o nigeriano com uma guilhotina, mas não conseguiu encaixar o golpe. Nos minutos finais, Usman por cima, aplicava bons socos e apenas administrava a vitória.

Em resultado oficial, Kamaru Usman saiu o vitorioso por decisão unânime dos juízes laterais.

Resultados do TUF Finale 18:
Card principal:

Kamaru Usman venceu Rafael dos Anjos por decisão unânime (50-43, 49-45, 48-47)
Juan Espino venceu Justin Frazier por finalização (americana) aos 3m36s do primeiro round
Macy Chiasson venceu Pannie Kianzad por finalização (mata-leão) aos 2m11s do segundo round
Pedro Munhoz venceu Bryan Caraway por nocaute técnico (socos) aos 2m39s do primeiro round
Edmen Shahbazyan venceu Darren Stewart por decisão dividida (29-28, 29-28, 28-29)
Antonina Schevchenko venceu Ji Yeon Kim por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-27)

Card preliminar:

Kevin Aguilar venceu Rick Glenn por decisão unânime
Josepeh Benavidez venceu Alex Perez por nocaute técnico (socos) aos 4m19s do primeiro round
Maurice Greene venceu Michel Batista por finalização (triângulo) aos 2m14s do primeiro round
Leah Letson venceu Julija Stoliarenko por decisão dividida (29-28, 28-29, 29-28)
Roosevalt Roberts venceu Darrell Horcher por finalização (guilhotina) aos 4m50s do primeiro round
Tim Means venceu Ricky Rainey por nocaute técnico (socos) aos 1m18s do primeiro round
Raoni Barcelos venceu Chris Gutierrez por finalização (mata-leão) aos 4m12s do segundo round

Dois lutadores não batem o peso em pesagem oficial do TUF Finale 28

Aconteceu nesta sexta-feira (29) a pesagem oficial do TUF 28 Finale, em Las Vegas (EUA). Protagonistas do evento, Rafael dos Anjos (77,1kg) e Kamaru Usman (77,3), que se enfrentarão na luta principal, bateram o peso sem dificuldades.

Em pesagem realizada com apenas uma hora, dois atletas não atingiram o limite da divisão. A sul-coreana Ji Yeon Kim estourou 2kg acima do permitido, enquanto Ricky Glenn ficou 1,2kg acima. Antonia Schevchenko e Kevin Aguilar, adversário dos respectivos atletas, aceitaram enfrentar e irão receber 20% à 30% de suas bolsas.

Leia também: Spider revela promessa de Dana, caso vença no UFC 234: “Irá lutar pelo cinturão”

O brasileiro Pedro Munhoz atingiu 61,5kg e confirmou sua luta contra Bryan Caraway pela categoria dos galos. Também representando o Brasil, Raoni Barcelos bateu 61,2kg e a luta contra Chris Gutierrez está confirmada

O TUF 28 Finale acontecerá nesta sexta-feira (30) às 21:30 (horário de Brasília) com transmissão do Canal Combate.

CONFIRA OS RESULTADOS DA PESAGEM: (VIA COMBATE.COM)

CARD PRINCIPAL 
Peso-meio-médio (até 77,6kg): Rafael dos Anjos (77,1kg) x Kamaru Usman (77,3kg)
Peso-pesado (até 120,7kg): Juan Espino (117,9kg) x Justin Frazier (119,8kg) – Final do TUF 28
Peso-pena (até 66,2kg): Pannie Kianzad (65,8kg) x Macy Chiasson (65,6kg) – Final do TUF 28
Peso-galo (até 61,7kg): Pedro Munhoz (61,5kg) x Bryan Caraway (61,6kg)
Peso-médio (até 84,4kg): Darren Stewart (83,9kg) x Edmen Shahbazyan (84,1kg)
Peso-mosca (até 57,2kg): Ji Yeon Kim* (59,2kg) x Antonina Shevchenko (56,5kg)

CARD PRELIMINAR
Peso-pena (até 66,2kg): Rick Glenn* (67,4kg) x Kevin Aguilar (65,3kg)
Peso-mosca (até 57,2kg): Joseph Benavidez (56,9kg) x Alex Perez (57,2kg)
Peso-pesado (até 120,7kg): Maurice Greene (117,5kg) x Michel Batista (119,1kg)
Peso-pena (até 66,2kg): Leah Letson (66,2kg) x Julija Stoliarenko (66kg)
Peso-leve (até 70,8kg): Roosevelt Roberts (70,5kg) x Darrell Horcher (70,3kg)
Peso-meio-médio (até 77,6kg): Tim Means (77,3kg) x Ricky Rainey (77,3kg)
Peso-galo (até 61,7kg): Raoni Barcelos (61,2kg) x Chris Gutierrez (61,2kg)

Foto: MMA JUNKIE

Rafael dos Anjos deve enfrentar Kamaru Usman no TUF 28 Finale

A luta principal do TUF 28 Finale está próxima de ser oficializada. Segundo informações do site Combate, o brasileiro Rafael dos Anjos deverá enfrentar o nigeriano Kamaru Usman, pela divisão dos meio-médios no dia 30 de novembro em Las Vegas (EUA).

Após interromper uma sequência de três triunfos consecutivos na categoria, Rafael dos Anjos tentará voltar ao caminho das vitórias. O ex-campeão peso-leve do Ultimate, acabou superado pelo americano Colby Covington por decisão unânime na disputa do cinturão interino no UFC 225, em sua última luta.

Leia também: Lyoto Machida estreia no Bellator contra Rafael Carvalho 

Kamaru Usman, ficou de ‘reserva’ no último sábado no duelo entre Tyron Woodley e Darren Till. Como não precisou substituir, o nigeriano tentará agora o oitavo triunfo seguido na organização para finalmente conseguir disputar o cinturão. O peso-meio-médio possui 13 vitórias e apenas uma derrota na carreira. Em sua ultima aparição no octógono, venceu o brasileiro Demian Maia por decisão unânime no UFC Chile, em maio.

CARD DO EVENTO ATÉ O MOMENTO: 

Peso-meio-médio: Rafael dos Anjos x Kamaru Usman
Peso-galo: Pedro Munhoz x Bryan Caraway
Peso-meio-médio: Tim Means x Ricky Rainey
Peso-mosca: Ashlee Evans-Smith x Antonina Shevchenko

Colby Covington vence Rafael dos Anjos por decisão unânime e se torna campeão do peso meio-médio

[VÍDEO] Colby Covington vence Rafael dos Anjos e se torna campeão

O UFC realizou a sua edição de número 225 em Chicago, nos Estados Unidos da America. A Co-luta principal dessa noite de lutas, foi do brasileiro Rafael do Anjos contra o americano Colby Covington. Esse duelo foi válido como disputa de cinturão interino da divisão dos meio-médios do Ultimate.

A luta começou frenética, com o americano vindo a mil e, o Rafael foi para o solo de costas no solo. Então o Colby Covington deu início ao seu jogo típico de travar a luta na grade, mas o brasileiro se defendeu bem. A luta voltou para o centro do tablado e Rafael dos Anjos conectou o primeiro soco de encontro potente. O combate seguiu na mesma proposta, o americano tentava a pegada, o brasileiro se defendia e conectava seus socos. Rafael conseguiu encaixar duas potentes joelhadas na linha de cintura de seu oponente. No minuto final, Covington já mostrava menos pressão nas suas investidas e o brasileiro levou esse round.

Leia também
Conor McGregor fica acima de Neymar em lista dos atletas mais bem pagos do mundo
Georges St-Pierre atesta facilidade em se dopar no MMA atualmente
Recém demitido, Yair Rodriguez é recontratado pelo UFC

A luta voltou para o segundo round na mesma pegada do anterior. O  Colby Covington veio para liquidar o brasileiro e soltou duros socos, encurralou o brasileiro na grade e deu início ao seu jogo pegado na grade. No meio do round a trocação ficou da meia para curta distância, e ambos se tocaram com contundência. Quando o combate foi para o centro do octógono, a insanidade tomou de conta, mas uma leve vantagem para o americano podia ser notada. No segundos finais, Colby conseguiu uma queda, até passou um gancho. O brasileiro terminou de pé mas a luta estava empate agora.

Vídeo trocação entre Rafael dos Anjos e Colby Covington

O combate voltou mais cadenciado que os outros dois anteriores, mas o Colby começou melhor e ficou no seu jogo pegado na grade.  O americano conseguiu mais uma queda, mas não segurou a posição e o brasileiro voltou de pé. A luta seguiu colada na grade, jogo favorecendo o americano.  O round chegou ao fim e o Colby levou mais um round.

O quarto assalto também veio numa pegada mais cadenciada. O Rafael dos Anjos conseguiu aplicar a primeira queda, com o Colby com as costas no chão, mas o americano logo saiu da posição. Covington levantou-se mas foi quedado novamente. Agora o brasileiro que fazia o jogo pegado na grade. A segunda metade dessa assalto foi disputada no centro do octógono, a trocação foi frenética e ambos conectaram bons golpes. o ‘RDA’ agora, voltava a ser encurralado na grade. Nos últimos segundos, o Colby Covington conseguiu aplicar mais uma queda e terminou por cima. Esse foi um round bastante parelho, podendo ser atribuído a qualquer um deles.

Vídeo trocação entre Rafael dos Anjos e Colby Covington

O quinto e último round começou com o resultado aberto. Colby Covington tratou de iniciar o ‘feijão com arroz’ que lhe garantiu vantagem logo no início do round.  O  combate seguiu pegado, com o americano travando o brasileiro de costas na grade. Rafael dos Anjos esboçou reação, e num bom soco pareceu que ia para o tudo ou nada, mas deixou o americano voltar para o mesmo jogo. Os últimos segundos foi de trocação insna, mas o Colby levou o round.

Com o soar da buzina sinalizando o fim do round, a luta foi decidida na soma das papeletas dos árbitros laterais. Após a contagem, foi anunciada a vitória por decisão unânime dos juízes.

Vídeo trocação entre Rafael dos Anjos e Colby Covington

Foto: Josh Hedges/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images

Rafael dos Anjos enfrenta Colby Covington no UFC 225

O UFC 225 recebeu uma importante adição em seu card nesta sexta-feira. O Ultimate finalmente oficializou o duelo entre o brasileiro Rafael dos Anjos e o americano Colby Covington, pelo cinturão interino dos meio-médios.

Aos 33 anos, Rafael dos Anjos segue sua caminhada para buscar o segundo título no UFC. O carioca já deteve o título máximo dos leves entre 2015 e 2016. Nos meio-médios, o atleta da Evolve MMA já possui três vitórias seguidas, sendo a mais recente sobre Robbie Lawler no UFC on Fox 26.

Leia também: Al Iaquinta é o novo oponente de Khabib Nurmagomedov no UFC 223
Justiça americana estipula fiança de Conor McGregor

Em grande atrito com o Brasil, o falastão Colby Covington tentará prosseguir com a boa fase. O americano vem de cinco vitórias seguidas, sendo por último sobre Demian Maia no UFC Fight Night 119. Na ocasião, o atleta foi fortemente hostilizado pela torcida brasileira, após disparar diversas críticas ao país.

O UFC 225 será realizado em Ilinois, Chicago, Estados Unidos no dia 9 de junho.

CARD DO EVENTO ATÉ O MOMENTO:
Robert Whittaker x Yoel Romero
Rafael dos Anjos x Colby Covington
Claudia Gadelha x Carla Esparza
Mike Jackson x CM Punk
Joseph Benavidez x Sergio Pettis
Alistair Overeem x Curtis Blaydes
Rashad Evans x Anthony Smith
Andrei Arlovski x Tai Tuivasa
Mike Santiago x Dan Ige
UFC irá reforçar segurança de Colby Covington no UFC 224 (UFC Rio)

UFC irá reforçar segurança para Colby Covington no Brasil

O UFC terá nova dor de cabeça para manter segurança de Colby Covington. O americano é atualmente o alvo número um do ódio brasileiro, após uma série de insultos do lutador. Após vencer Demian Maia no UFC São Paulo, Colby tentou se promover de maneira vexatória e insultou o Brasil e os brasileiros.

— Eu deveria ter nocauteado. O Brasil é um chiqueiro. Esses animais imundos (brasileiros) não prestam. Não precisa de tradução e traz meu cinturão. Me dê o Tyronn Woodley – disparou o americano. – disse o lutador após o combate, que saiu da Arena escoltado e a segurança continuou no hotel.

Leia também:
Polêmica: Colby Covington e o Silêncio do UFC
Colby Covington promete colocar Fabrício Werdum na cadeia
Colby Covington diz que foi ameaçado de morte por lutadores e citou ameaça de Lyoto Machida 

Com a oficialização da luta entre Rafael dos Anjos contra Colby, fez surgir novamente a preocupação com a segurança. Mas ao que tudo indica, o Ultimate já providenciou o reforço para Colby Covigton retornar ao Brasil.

Em entrevista para o portal americano ‘MMA Figting‘, o lutador americano declarou que o UFC garantiu sua segurança. Além disso, disse que o único risco que corre risco, é Rafael dos Anjos, quando fecharem o octógono.

— UFC me garantiu segurança. Única preocupação de segurança vai ser quando trancarem o RDA no octógono e ele enfrentar um americano de 170 pounds feito de aço e sex appeal. – Confirmou o lutador

UFC 224
12 de maio, no Rio de Janeiro
CARD DO EVENTO:

Peso-galo: Amanda Nunes x Raquel Pennington
Peso-meio-médio: Rafael dos Anjos x Colby Covington
Peso-médio: Vitor Belfort x Lyoto Machida
Peso-médio: Ronaldo Jacaré x Kelvin Gastelum
Peso-galo: John Lineker x Brian Kelleher
Peso-médio: Thales Leites x Jack Hermansson
Peso-leve: Davi Ramos x Nick Hein
Peso-meio-médio: Alberto Miná x Ramazan Emeev
Peso-pesado: Júnior Albini x Alexey Oleynik
Peso-médio: Cézar Mutante x Karl Roberson
Peso-palha: Mackenzie Dern x Amanda Cooper
Peso-meio-médio: Warlley Alves x Sultan Aliev
Peso-meio-médio: Elizeu Capoeira x Sean Strickland

Colby Covington desafia Rafael dos Anjos e brasileiro responde

UFC planeja Rafael dos Anjos x Colby Covington pelo cinturão interino no UFC 224

O UFC 224 parece próximo de ganhar um combate de peso, após o campeão meio-médio Tyron Woodley passar por cirurgia e com previsão de volta para o fim do ano, o UFC pretende casar Rafael dos Anjos e Colby Covington pelo cinturão interino no UFC 224, no Rio de Janeiro.

Rafael dos Anjos pode fazer história na organização, ex-campeão nos leves, ele pode ser o primeiro brasileiro campeão de duas categorias no ultimate. Rafael vem de vitórias expressivas sobre Tarec Saffiedine, Neil Magny e Robbie Lawler.

Em grande fase na carreira, Colby Covington pode subir mais uma vez em território hostil, após o combate contra Demian Maia em São Paulo, ele ficou conhecido como ”inimigo número 1 do Brasil”. Entre suas últimas vitórias estão nomes como Dong Hyun Kim e Demian Maia.

O UFC 224 acontece no dia 12 de maio, na Jeunesse Arena, no Rio de Janeiro.

Dana dispara: “Woodley só fala m*! A luta com Rafael dos Anjos é a que vai acontecer”

A novela envolvendo o cinturão meio-médio do UFC parece estar perto do fim. O presidente Dana White em entrevista para o programa “UFC Tonight”, alegou que o campeão Tyron Woodley irá enfrentar o brasileiro Rafael dos Anjos, e não o americano Nate Diaz.

Woodley só fala m***. Essa luta nunca foi cogitada, e dizer o contrário é totalmente mentira. A mentira ´tão grande que nosso advogado o alertou para que ele parasse de falar esse tipo de coisas. Rafael dos Anjos é o adversário que queremos para Woodley. Essa é a luta mais justa, já que ele venceu Robbie Lawler lutando muito bem. O que me agrada nessa luta é que Dos Anjos irá para cima de Tyron Woodley, e será uma grande luta. Essa é a luta que vai acontecer.

Leia também: Cris Cyborg defende cinturão contra Yana Kunitskaya no UFC 222

Dana também respondeu sobre o futuro de Nate Diaz, que não sobe no octógono desde agosto de 2016 quando foi derrotado pelo irlandês Conor McGregor na revanche no UFC 202. O manda-chuva do Ultimate também revelou que Diaz recusou várias lutas.

“Nós oferecemos cinco ou seis lutas a Nate Diaz nos últimos meses e ele recusou todas. Já disse isso muitas vezes, e vou dizer de novo: não vejo Nate Diaz voltando a lutar. Será que ele lutará ainda esse ano? Talvez ele apareça eventualmente e diga que quer lutar, mas o fato é que ele recusou todas as lutas que o oferecemos”.

Confira os 5 brasileiros que devem brilhar em 2018

5 Brasileiros que devem ter um ótimo 2018 no UFC

O ano de 2017 não pode ser considerado um bom ano para os Brasileiros no UFC. Nossos maiores campeões foram derrotados e fechamos o ano sem nenhum cinturão masculino. Porém na divisão feminina é o inverso, das 3 categorias, 2 tem campeãs Brasileiras. pensando nisso, enumeramos 5 brasileiros que tem de tudo para bilhar nesse ano.

Confira a lista dos 5 brasileiros que devem ter um grande ano no UFC!

Cris Cyborg

Cyborg revela provável data da luta contra Amanda
Foto: Buda Mendes/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images

Dando continuidade ao incrível ano de 2017, a Cris Cyborg deve ter mais um ano incrível no UFC. Onde muito possivelmente irá fazer uma super luta contra a Amanda Nunes. Analisando o jogo da Cyborg contra o jogo da Amanda, só temos vantagem para a Cyborg. Caso realmente o confronto se materialize, certamente continuaremos a ver a Cyborg campeã.

Rafael dos Anjos

Presidente do UFC confirma que Rafael dos Anjos enfrentará Tyron Woodley
Foto: Bruce Fedyck-USA TODAY Sports

Provavelmente o Brasileiro com mais chance de conquistar o cinturão em 2018. O duelo contra o Tyron Woodley já está confirmado pelo UFC. Considerando o momento do Rafael dos Anjos, embora o Woodley seja um duríssimo. Deveremos ver o brasileiro campeão dos meio-médios. E ainda quem sabe fazer uma super luta com o Georges St-Pierre ainda neste ano!

Leia mais:
Dana diz que estado de Robert Whittaker é grave
Cyborg revela provável data da luta contra Amanda
Rampage e Sonnen faturaram quase R$2 milhões de reais em bolsa por luta no Bellator 192
 

Paulo Borrachinha

Paulo Borrachinha atropela e vence Johny Hendricks por nocaute
Foto: Buda Mendes/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images

Com direito a muita marra e também muito talento. O Brasileiro Paulo Borrachinha deve continuar sua ascensão nos médios. Atualmente o borrachinha figura no 15º lugar do Ranking dos médios. Nesse ano muito provavelmente irá fazer pelo menos duas lutas contra atletas top 10. E confirmando seu talento, é possível que encerre 2018 com seu title shoot agendado.

Glover Teixeira

5 Brasileiros que devem ter um ótimo 2018 no UFC 1
Imagem: Getty Images

Embora venha alternando vitorias e derrotas, o Brasileiro Glover Teixeira pode vir a ter seu Title-shoot muito mais devido à pouca movimentação da categoria dos meio-pesados. Mas seria complicado considerando os seus possíveis adversários (Comier, Oezdemir e Gustafsson) o Glover fica atrás deles.

Raphael Assunção

5 Brasileiros que devem ter um ótimo 2018 no UFC 2
Raphael Assunção (Foto: UFC)

Figurando no top 3 dos galos. O Raphael Assunção que vem de 3 vitórias seguidas, e sua última derrota foi justamente contra o atual campeão TJ Dillashaw. É bem provável que o Brasileiro tenha seu title-shoot ainda neste ano.

Deixe sua opinião nos comentários! Qual desses deve nos frustrar? Quem não foi citado e pode surpreender?

Presidente do UFC confirma que Rafael dos Anjos enfrentará Tyron Woodley

Presidente do UFC confirma que Woodley enfrentará Dos Anjos

Dana White, presidente do UFC, pode estar prestes a atender o apelo do lutador brasileiro Rafael dos Anjos. Vivendo novo bom momento na carreira, Rafael deu início a uma campanha para ser credenciado a lutar pelo cinturão.

Após vencer Robbie Lawler em uma batalha de cinco rounds, por decisão unânime, Rafael dos Anjos ficou com mais moral na organização. Com isso, passou a desafiar o atual campeão meio-médio, o americano Tyron Woodley. O campeão por sua vez, não quer o combate, e GSP é o nome que não sai da sua boca.

Leia Mais
Tyron Woodley dispensa luta com Rafael dos Anjos
Rafael dos Anjos sobe no ranking do meio-médio
Colby Covington desafia Rafael dos Anjos e brasileiro responde

Foi em participação em um programa do norte-americano ‘Fox Sports’, que o presidente do UFC afirmou que a luta aconteceria. Dana White ainda revelou que o diferencial para sua decisão foi a atuação do brasileiro frente a Robbie Lawler.

— Assim que Woodley estiver saudável, Rafael dos Anjos é a luta a se fazer, especialmente depois de sua performance contra Robbie Lawler. Estamos apenas esperando Tyron ficar saudável. – Disse o presidente do UFC, maior organização de MMA do planeta.

Tyron Woodley está se recuperando de uma operação no ombro. Ao que parece, seu tempo de recuperação é o que adiará o acontecimento dessa luta.

Carreira de Tyron Woodley e Rafael dos Anjos

Aos 35 anos de idade, o campeão Tyron Woodley não sabe o que é perder desde o ano de 2014. De lá até aqui foram seis lutas, vencendo cinco e empatando uma. Em seu cartel total como lutador profissional de MMA, fez 22 lutas e venceu em 18 oportunidades.

Enquanto o brasileiro Rafael dos Anjos, está com 33 anos e, soma sua terceira vitória consecutiva na nova divisão. RDA é o atual 2º (segundo) colocado do ranking da divisão meio-médio do UFC. Como atleta profissional, tem 37 lutas em seu cartel, e dessas, saiu como vencedor em 28 vezes.

Segundo Dana White, Rafael dos Anjos lesionou seriamente o joelho de Robbie Lawler

Rafael dos Anjos lesiona seriamente joelho de Lawler

O brasileiro Rafael dos Anjos fez a luta principal do UFC Winnipeg contra o ex-campeão da divisão Robbie Lawler. O Ultimate levou a sua mega estrutura para mais um evento no Canadá, onde o brasileiro dominou no inicio ao fim do combate.

Foram cinco round de predominância de Rafael dos Anjos, que lhe rendeu a vitória por decisão unânime. Mas um fato bastante curioso só veio a toda recentemente, uma grande lesão no joelho de Lawler durante a luta.

Leia mais:
Tyron Woodley dispensa luta com Rafael dos Anjos
Rafael dos Anjos sobe no ranking do meio-médio
Colby Covington desafia Rafael dos Anjos e brasileiro responde

Em entrevista para o ‘Yahoo Sports‘ dos Estados Unidos, Dana confirmou a lesão no joelho e Lawler. Segundo o mandachuva do UFC, a perna do americano está destruída. Lawler se lesionou nos primeiros rounds, mas aguentou firme até o final do quinto round.

A perna do cara estava destruída (Robbie Lawler). Estourou o seu acl e menisco e tudo que tem dentro do joelho até o terceiro round. Ele cambaleou até a grade, se apoiou nela e chamou o RDA para dentro para eles trocarem bombas. Robbie Lawler foi até o quinto round. – Dana White em entrevista.

Carreira de Rafael dos Anjos e Robbie Lawler.

O americano de 35 anos, é nome de peso dentro da divisão, mas sofreu mais um revés. Como profissional de MMA, fez 40 lutas, tendo vencido em 28 vezes. Enquanto isso, o brasileiro vem em um ótimo momento na nova divisão. Aos 33 anos de idade, dos Anjos emplacou sua terceira vitória na divisão. Em seu cartel, tem 36 lutas e saiu como vencedor em 28 oportunidades.