Tag: Mauricio Shogun

Shogun x Minotouro

Maurício Shogun e Minotouro se enfrentam no UFC 250, em São Paulo

Um duelo entre brasileiros está confirmado para o UFC 250, que acontece no dia 9 de maio em São Paulo no Ginásio do Ibirapuera. Conforme anunciou o presidente Dana White para a ESPN, Maurício Shogun e Minotouro irão se enfrentar pela terceira vez, em duelo válido pela divisão meio-pesado.

Leia também: Diego Sanchez revela: “Eu sabia que estava perdendo”

Maurício Shogun não luta desde novembro de 2019, quando empatou com Paul Craig no UFC São Paulo. Nos dois confrontos contra Minotouro, Maurício levou a melhor duas vezes, sendo a primeira por decisão no Pride em 2005 e a segunda em 2015 no UFC 190 também na decisão dos juízes.

Minotouro fará a segunda luta em um evento numerado no Brasil. O atleta da Team Nogueira lutou em maio do ano passado no UFC 237, no Rio de Janeiro onde acabou nocauteado em duelo contra Ryan Spann.

CARD DO UFC 237 (EM ANDAMENTO):

Peso-galo: Henry Cejudo x José Aldo
Peso-pesado: Alexey Oleynik x Fabrício Werdum
Peso-galo: Ketlen Vieira x Marion Reneau
Peso-pesado: Augusto Sakai x Blagoy Ivanov
Peso-galo: Bethe Correia x Pannie Kianzad
Peso-meio-pesado: Maurício Shogun x Rogério Minotouro

Maurício Shogun empata com Paul Craig no UFC São Paulo

Na segunda luta mais aguardada do UFC São Paulo neste sábado (16), o veterano Maurício Shogun enfrentou o escocês Paul Craig, pela divisão dos meio-pesados. Em luta parelha, o confronto foi declarado empate na decisão dividida.

A luta: Logo no início, Paul Craig buscou dois chutes altos. Em aproximação do escocês, Shogun revidou com um golpe de esquerda, os dois em sequência ficaram no clinche com Maurício Shogun buscando a queda, mas logo a luta voltou ao centro do octógono, onde Paul Craig começou uma sequência de socos retos no frontal do brasileiro, que ainda tentou responder no contragolpe e Craig tentou a queda, mas não obteve sucesso. O duelo ficou mais aberto e Shogun buscava os ataques na curta distância, enquanto Paul tentava surpreender o brasileiro na longa distância.

No segundo round, Maurício conseguiu uma posição de vantagem, por cima de Paul Craig no chão. No ground and pound, Shogun segurou o escocês até o final do round, tentando atacar com socos, enquanto Paul buscava atacar por baixo tentando a finalização.

Na última etapa, com os dois visivelmente cansados, o embate ficou mais morno. Paul Craig tentou levar a luta para o solo, mas Shogun foi mais rápido e reverteu a posição e ficou sobre o escocês no solo. Assim como no round anterior, a luta ficou boa parte no chão, com os dois lutadores mostrando pouca ação. Shogun seguiu dominando por cima, mas sem muita contundência, e Paul Craig pouco reagia. Nos segundos finais, com o duelo restabelecido em pé, Craig conectou alguns golpes e levou a luta para o chão, entretanto, não teve tempo para desenvolver o ataque com o final da luta.

VEJA TODOS OS RESULTADOS DO UFC SÃO PAULO

UFC São Paulo – Resultados: Ronaldo Jacaré x Jan Blachowicz

O Ultimate encerra o calendário no Brasil em 2019 neste sábado (16) com o UFC São Paulo. O confronto principal, aconteceu entre o brasileiro Ronaldo Jacaré diante de Jan Blachowicz pela divisão dos meio-pesados.

Na co-luta principal, o veterano Maurício Shogun buscava o segundo triunfo consecutivo contra o escocês Paul Craig na categoria meio-pesado, mas o duelo acabou empatado na decisão dividida.

RESULTADOS DO UFC SÃO PAULO EM TEMPO REAL: 

CARD PRINCIPAL:
Peso-meio-pesado: Jan Blachowicz venceu Ronaldo Jacaré por decisão dividida (47-48, 48-47, 48-47)
Peso-meio-pesado: Maurício Shogun e Paul Craig empataram na decisão dividida (29-28, 28-29, 28-28)
Peso-leve: Charles do Bronx venceu Jared Gordon por nocaute aos 1:26 do primeiro round
Peso-médio: André Sergipano venceu Antônio Arroyo por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-27)
Peso-médio: Wellington Turman venceu Markus Maluko por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-27)

CARD PRELIMINAR:
Peso-meio-médio: Serginho Moraes venceu James Krause por nocaute (soco) aos 4:19 do terceiro round
Peso-pena: Ricardo Carcacinha venceu Eduardo Garagorri por finalização (mata-leão) aos 3:57 do primeiro round
Peso-leve: Francisco Massaranduba venceu Bobby Green por decisão unânime (29-28, 30-27, 29-28)
Peso-meio-médio: Randy Brown venceu Warlley Alves por finalização(triângulo) aos 1:22 do segundo round
Peso-pena: Douglas D’Silva venceu Renan Barão por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-26)
Peso-mosca: Ariane Lipski venceu Isabela de Pádua por decisão unânime (30-26, 30-26, 29-27)
Peso-galo: Tracy Cortez venceu Vanessa Melo por decisão unânime (30-27, 30-27, 29-28)

Foto: (Alexandre Schneider/Zuffa LLC/Getty Images)

Junior Cigano e Mauricio Shogun brilham no UFC Adelaide

O UFC Fight Night 142 teve um balanço positivo para os brasileiros. O evento sediado em Adelaide (Austrália) teve Junior Cigano, Mauricio Shogun e Wilson Reis enfrentando Tai Tuivasa, Tyson Pedro e Ben Nguyen respectivamente.

Na luta principal do evento, Junior Cigano conseguiu um importante nocaute sobre o até então invicto Tai Tuivasa. Apesar de ter um péssimo começo de luta, Cigano conseguiu um bom nockdown no segundo round, sacramentando o nocaute técnico com um ground and pound avassalador.

Na penúltima luta da noite, o curitibano Mauricio Shogun conseguiu um grande nocaute sobre o favorito Tyson Pedro. Shogun começou levando pressão e quase indo a nocaute no primeiro round, mas se recuperou e venceu bem o segundo round, e no terceiro conseguiu um clássico nocaute com uma combinação de jab e direto.

No card preliminar do evento, o brasileiro Wilson Reis abriu a noite brasileira com vitória sobre Ben Nguyen por decisão unânime. Com o triunfo, Wilson interrompeu uma sequência de três derrotas consecutivas.

RESULTADOS DO UFC ADELAIDE

Card principal:

Peso pesado: Júnior Cigano venceu Tai Tuivasa por nugcaute técnico (socos) aos 2:30 do R2.
Peso meio-pesado: Mauricio Shogun venceu Tyson Pedro por nocaute técnico aos 0:43 do R3.
Peso pesado: Justin Willis vence Mark Hunt por decisão unânime (29-28, 29-28, 29-28).
Peso meio-médio: Tony Martin venceu Jake Matthews por finalização (anaconda) aos 1:19 do R3.
Peso pena: Sodiq Yusuff vence Suman Mokhtarian por nocaute técnico (socos no corpo) aos 2:13 do R1.
Peso meio-pesado: Jim Crute vence Paul Craig por finalização (kimura) aos 4:51 do R3.

Card preliminar:

Peso meio-médio: Alexey Kunchenko venceu Yushin Okami por decisão unânime (30-26, 30-26, 30-27).
Peso mosca: Wilson Reis venceu Ben Nguyen por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-27).
Peso meio-médio: Keita Nakamura vence Salim Touahri por decisão dividida (30-27, 28-29, 29-28).
Peso mosca: Kai-Kara France venceu Elias Garcia por decisão unânime (30-25, 30-25, 30-26).
Peso leve:  Christos Giagos venceu Mizuto Hirota por decisão unânime (29-28, 29-27, 30-28).
Peso leve: Damir Ismagulov venceu Alex Gorgees por decisão unânime (30-25, 30-26, 30-26).

Maurício Shogun deve enfrentar Tyson Pedro no UFC Adelaide

O retorno do brasileiro Maurício Shogun está próximo de ser oficializado. Segundo informações da ESPN, o peso meio-pesado tem acordo verbal para enfrentar o australiano Tyson Pedro no UFC Fight Night 142, que acontece no dia 1 de dezembro em Adelaide na Austrália.

Maurício Shogun, de 36 anos, tenta voltar ao caminho das vitórias. O curitibano estava com uma sequência positiva de três triunfos, até ser superado por Anthony Smith no UFC Fight Night 134, em julho deste ano. Na ocasião, o brasileiro foi nocauteado brutalmente pelo americano.

Leia também: EXCLUSIVO – Taffarel Brasil fala do sonho de lutar pelo UFC

Também em busca de recuperação, Tyron Pedro vem de derrota diante de Ovince Saint-Preux, no UFC Fight Night 132, em junho. Na carreira, o atleta de 27 anos possui sete vitórias e duas derrrotas.

CARD DO EVENTO ATÉ O MOMENTO:

Junior Cigano x Tai Tuivasa
Mauricio Shogun x Tyson Pedro
Ashkan Mokhtarian x Kai Kara-France
Wilson Reis x Ben Nguyen
Jim Crute x Paul Craig

Foto: Buda Mendes/Getty Images

UFC Hamburgo: Anthony Smith atropela Shogun no primeiro round

Na luta mais esperada do UFC Fight Night 134 neste domingo (22) em Hamburgo na Alemanha, o brasileiro Maurício Shogun foi ‘tratorizado’ pelo americano Anthony Smith no primeiro round.

A luta: O duelo começou tenso, com ambos se estudando muito. Depois de conectar um bom chute frontal no brasileiro, que visivelmente sentiu o golpe, Anthony Smith iniciou uma ótima sequência de golpes em Shogun terminando o combate por nocaute aos 1m2s de luta.

Anthony Smith emplacou o 30º triunfo na carreira. Em entrevista ainda no octógono, o americano pediu uma luta contra o sueco Alexander Gustafsson. Maurício Shogun interrompeu uma sequência de três vitórias consecutivas.

CARD PRINCIPAL:
Peso-meio-pesado: Anthony Smith venceu Maurício Shogun aos 1m29s do primeiro round
Peso-meio-pesado: Corey Anderson venceu Glover Teixeira por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-27)
Peso-médio: Abu Azaitar venceu Abu Azaitar por decisão unânime (30-27, 30-27, 29-28)
Peso-pesado: Marcin Tybura venceu Stefan Struve por decisão unânime (30-27, 30-27, 29-28)
Peso-meio-médio: Danny Roberts venceu David Zawada por decisão dividida (29-28, 27-30, 29-28)
Peso-leve: Nasrat Haqparast venceu Marc Diakiese por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-26)
CARD PRELIMINAR:
Peso-leve: Damir Hadzovic venceu Nick Hein por decisão dividida (29-28, 28-29, 29-28)
Peso-meio-médio: Bartosz Fabinski venceu  Emil Meek por decisão unânime (30-27, 29-28, 29-28)
Peso-pena: Nad Narimani venceu Khalid Taha por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-27)
Peso-meio-pesado: Aleksandar Rakic venceu Justin Ledet por decisão unânime (30-25, 30-24, 30-24)
Peso-galo: Manny Bermudez venceu Davey Grant por finalização aos 59s do primeiro round
Peso-meio-pesado: Darko Stosic venceu Jeremy Kimball por nocaute aos 3m13s do primeiro round
Peso-galo: Pingyuan Liu venceu Damian Stasiak por decisão unânime (30-27, 29-28, 29-28)

FOTO: JASON SILVA – USA TODAY SPORTS

UFC Hamburgo – Resultados: Maurício Shogun x Anthony Smith

Mudando a tradição, o UFC acontece neste domingo (22) com a realização do Fight Night 134 diretamente de Hamburgo na Alemanha. No duelo principal, o brasileiro Maurício Shogun busca o quarto triunfo consecutivo contra o embalado americano Anthony Smith.

No co-main-event outro brasileiro entra em ação. Glover Teixeira confrontou contra Glover Teixeira pela divisão dos meio-pesados. Na quarta luta do card principal, na categoria dos médios, Vitor Miranda acabou sendo derrotado por Abu Azaitar na decisão unânime.

CONFIRA TODOS OS RESULTADOS:

CARD PRINCIPAL:
Peso-meio-pesado: Anthony Smith venceu Maurício Shogun aos 1m29s do primeiro round
Peso-meio-pesado: Corey Anderson venceu Glover Teixeira por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-27)
Peso-médio: Abu Azaitar venceu Abu Azaitar por decisão unânime (30-27, 30-27, 29-28)
Peso-pesado: Marcin Tybura venceu Stefan Struve por decisão unânime (30-27, 30-27, 29-28)
Peso-meio-médio: Danny Roberts venceu David Zawada por decisão dividida (29-28, 27-30, 29-28)
Peso-leve: Nasrat Haqparast venceu Marc Diakiese por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-26)
CARD PRELIMINAR:
Peso-leve: Damir Hadzovic venceu Nick Hein por decisão dividida (29-28, 28-29, 29-28)
Peso-meio-médio: Bartosz Fabinski venceu  Emil Meek por decisão unânime (30-27, 29-28, 29-28)
Peso-pena: Nad Narimani venceu Khalid Taha por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-27)
Peso-meio-pesado: Aleksandar Rakic venceu Justin Ledet por decisão unânime (30-25, 30-24, 30-24)
Peso-galo: Manny Bermudez venceu Davey Grant por finalização aos 59s do primeiro round
Peso-meio-pesado: Darko Stosic venceu Jeremy Kimball por nocaute aos 3m13s do primeiro round
Peso-galo: Pingyuan Liu venceu Damian Stasiak por decisão unânime (30-27, 29-28, 29-28)

FOTO: Jeff Bottari | Getty Images | Zuffa LLC).

Daniel Cormier quer defender cinturão dos meio-pesados contra Mauricio Shogun

Agora campeão dos meio-pesados e pesados, Daniel Cormier quer enfrentar o curitibano visando pôr mais uma lenda em seu cartel.

O norte-americano Daniel Cormier agora pode ser um nome apontado no seleto grupo dos maiores de todos os tempos. No último sábado (07) o “gordinho” nocauteou o até então campeão dos pesados, Stipe Miocic. O feito deu a Cormier o segundo cinturão simultâneo na organização. Após a vitória, Brock Lesnar desafiou Cormier em cima do octógono, mas ao que tudo indica, Lesnar só estará disponível em 2019. Cormier então pretende defender o cinturão dos meio-pesados, e pediu pra lutar contra um brasileiro ex-campeão da categoria: Maurício Shogun.

– Eu lutaria com o Shogun (risos). É sério. Lutaria com ele antes. Eu o respeito, ele é uma lenda e vem de vitórias seguidas. Lutaria com ele e depois com o Brock em março e estaria aposentado – Contou Cormier ao jornalista Ariel Helwani.

O brasileiro Mauricio Shogun tem luta marcada nesse mês de julho diante do americano Anthony Smith no UFC Hamburgo. A fase do curitibano é boa, ele vem de três vitórias consecutivas diante de Rogério Minotouro, Corey Anderson e Gian Villante. Uma vitória diante de Smith, poderia deixar o curitibano próximo da disputa de cinturão.

Caso a luta se concretize, Shogun estaria passando a frente de Alexander Gustafsson, que seria o desafiante natural no caso de vitória do mesmo diante de Volkan Oezdemir no UFC 227. Cormier rechaçou a possibilidade de uma revanche com o sueco:

“Ele ficava pedindo pelo cinturão interino e age como se tivesse me vencido. Eu venci ele em por quatro rounds. E única razão para ele ter vencido um round foi um knockdown. Gosto dele, mas… Ele desafiou Rockhold depois dele ser nocauteado – Finalizou DC.

Alexander Gustafsson irá enfrentar Volkan Oezdemir no UFC 227

Conforme noticiou a ESPN, Alexander Gustafsson irá enfrentar Volkan Oezdemir, pela divisão dos meio-pesados no UFC 227, que será realizado no dia 4 de agosto no Staples Center em Los Angeles, Califórnia, Estados Unidos

Sem adversário para Gustafsson, o Ultimate removeu Volkan do combate contra Shogun que seria realizado no UFC Fight Night 135, em Hamburgo, no dia 22 de julho. Segundo informações do site Combate, Anthony Smith será o próximo adversário do brasileiro para o mesmo evento.

Leia também: Trilogia entre Chuck Liddell e Tito Ortiz está confirmada

Aos 31 anos de idade, Alexander Gustafsson vai para 14º luta no Ultimate. Atualmente, o sueco vem de dois triunfos consecutivos, sobre: Jan Blachowicz em 2016 e Glover Teixeira em setembro de 2017 no UFC Fight Night 109. O peso-meio-pesado disputou duas vezes o cinturão da categoria, entretanto, foi superado nas duas oportunidades, contra Jon Jones no UFC 165 e para Daniel Cormier no UFC 192.

Surpresa recente na divisão, Volkan Oezdemir chegou emplacar cinco vitórias seguidas na carreira, sendo três no UFC, diante de Ovince Saint-Preux, Misha Cirkunov e Jimi Manuwa. Após a sequência positiva, o suíço disputou o título máximo contra Daniel Cormier, todavia, acabou derrotado por nocaute técnico no UFC 220.

CARD DO EVENTO ATÉ O MOMENTO:

CARD PRINCIPAL:
Peso-galo: TJ Dillashaw x Cody Garbrandt
Peso-mosca: Demetrious Johnson x Henry Cejudo
Peso-meio-pesado: Alexander Gustafsson x Volkan Oezdemir
Peso-pena: Cub Swanson x Renato Moicano
CARD PRELIMINAR:
Peso-médio: Derek Brunson x Antônio Cara de Sapato
Peso-mosca: Polyana Viana x JJ Aldrich
Peso-galo: Benito Lopez x Ricky Simon
Peso-galo: Ricardo Carcacinha x Kyung Ho Kang
Peso-palha: Danielle Taylor x Weili Zhang
Peso-pena: Wuliji Buren x Bharat Khandare
Peso-galo: Bethe Correia x Irene Aldana
Peso-galo: Benito Lopez x Ricky Simón
Peso-pena: Sheymon Moraes x Matt Sayles
Peso-galo: Brett Johns x Pedro Munhoz

Ultimate confirma duelo entre Volkan Oezdemir e Maurício Shogun para julho

A luta principal do UFC Fight Night 134 está confirmada. Volkan Oezdemir irá enfrentar o brasileiro Maurício Shogun, pela divisão dos meio-pesados. O duelo estava marcado para o UFC Chile, todavia, o combate foi desmarcado após o suíço passar por problemas judiciais nos Estados Unidos.

Aos 36 anos, Maurício Shogun vai em busca da quarta vitória consecutiva. O brasileiro vem de vitória sobre Minotouro, Corey Anderson e por último sobre Gian Villante no UFC Fight Night 106, em março de 2017. Na carreira, o veterano detém 25 vitórias e 10 derrotas.

Leia também: Cigano e mais dois brasileiros são liberados pela USADA

Sem dúvidas, Volkan Oezdemir é umas das maiores surpresas dos últimos anos na divisão dos meio-pesados. O suíço de 28 anos emplacou cinco vitórias seguidas na carreira, sendo quatro delas no UFC até se credenciar ao título máximo. Em confronto contra Daniel Cormier no UFC 220, Oezdemir foi superado por nocaute técnico no segundo round.

O UFC Fight Night 134 será realizado no dia 22 de julho, em Hamburgo na Alemanha.

Por problemas judiciais, Oezdemir não enfrentará Shogun no UFC Chile

Faltando um pouco mais de um mês para o UFC Fight Night 129, o card sofreu uma importante baixa. O suíço Volkan Oezdemir está impedido de sair dos Estados Unidos, decorrente de problemas judiciais, o que impossibilita de enfrentar o brasileiro Maurício Shogun na cidade de Santiago, no Chile no dia 19 de maio.

Volkan se envolveu em uma confusão em Fort Lauderdale na Flórida (EUA) em agosto de 2017. Segundo o boletim de ocorrência, o peso-meio-pesado agrediu um homem chamado Kevin Cohen, deixando em estado inconsciente durante 14 minutos.

Leia também: Megan Anderson enfrenta Holly Holm em estreia no UFC 

Tempo mais tarde, Oezdemir pagou a fiança de US$ 10 mil (R$ 32,5 mil) e foi liberado. A princípio, o Ultimate não se pronunciou sobre o caso. Ao que tudo indica, o duelo deverá ser remarcado, conforme apurou o site Combate.

Aos 28 anos, Volkan é considerado um dos grandes nome da divisão dos meio-pesado. Após emplacar cinco vitórias seguidas na categoria, enfrentou o campeão Daniel Cormier no UFC 220, entretanto, foi superado no segundo round por nocaute técnico.

Maurício Shogun enfrenta Volkan Oezdemir no UFC Chile

O Ultimate confirmou um importante combate para o UFC Fight Night 129. O brasileiro Maurício Shogun irá enfrentar o suíço Volkan Oezdemir pela divisão dos meio-pesados.

Maurício Shogun vai em busca da quarta vitória seguida, para buscar uma chance pelo cinturão. O curitibano de 36 vem de vitória sobre Antonio Minotouro, Corey Anderson e por último sobre Gian Villante por nocaute técnico no UFC Fight Night 106. Na carreira, o veterano detém 25 vitórias e 10 derrotas.

Leia também: Priscila Pedrita afirma que deverá voltar ao UFC no final do ano

Aos 28 anos, Volkan Oezdemir buscará uma nova sequência de vitórias para disputar novamente o cinturão. O suíço que vinha em grande ascensão na carreira com cinco vitórias seguidas, foi superado pelo campeão Daniel Cormier no UFC 220. Em seu cartel profissional, Volkan possui 15 vitórias e duas derrotas.

O UFC Fight Night 119 será realizado em Santiago, Chile no dia 19 de maio, na Movistar Arena.

CARD DO EVENTO ATÉ O MOMENTO:
Peso-meio-pesado: Volkan Oezdemir x Maurício Shogun
Peso-galo: Diego Rivas x Guido Cannetti
Peso meio-médio: Vicente Luque x Chad Laprise
Peso-palha: Alexa Grasso x Tatiana Suarez
Peso-mosca: Veronica Macedo x Andrea Lee
Peso-palha: Poliana Botelho x Syuri Kondo
Peso-meio-pesado: Jared Cannonier x Dominick Reyes
Peso-galo: Frankie Saenz x Henry Briones
Peso-meio-médio: Michel Trator x Zak Cummings

Daniel Cormier

Daniel Cormier pronto para aceitar duelo com Gustafsson ou St-Preux no UFC 220

Campeão peso meio-pesado do Ultimate, o norte americano Daniel Cormier poderá aceitar enfrentar um adversário diferente caso seu embate com o suiço Volkan Oezdemir marcado para o UFC 220 seja cancelado pela organização.

No último sábado (18), Oezdemir se envolveu em uma briga de bar em Fort Lauderdale, no Condado de Broward, no Estado da Flórida e acabou sendo preso pela polícia local por agressão, por ter causado danos severos a ‘vítima’.

Na ocasião, Oezdemir prestou depoimento, pagou uma fiança de US$10.000 dólares e foi liberado, mas se for condenado, poderá ser retirado da luta diante do detentor do cinturão.

Veja também:

Em entrevista ao podcast ‘The Anik & Florian’, Cormier disse que se a luta cair, ele poderá defender o cinturão contra Alexander Gustafsson ou Ovince-St-Preux.

“Eu lutaria contra qualquer um desses caras (Gustafsson & OSP). Isso não importa, esse cara (Oezdemir) têm uma das maiores sequências de vitórias na divisão (meio-pesados), então ele estava conseguindo esse title-shot, mas se ele perder a oportunidade (por conta da briga no bar), eu seguirei e enfrentarei o próximo (da fila). Eu enfrentaria ou o Gustafsson primeiramente, mas alguém me contou que a equipe de Ovince St-Preux queria uma luta pelo título, por também estar com uma boa sequência de vitórias e eu não me importo com quem seja (a luta pelo cinturão)”.

Se condeando pela agressão, Oezdemir poderá pegar um ‘tempo na cadeia’, mas Daniel Cormier acredita que o atleta tenha agredido a ‘vítima’ para se defender.

“Talvez tenha sido para se defender, pois ele tem a força para colocar os seus oponentes para dormir se acerta-los com força e não foi o caso. Você nunca sabe o que está acontecendo de verdade e mesmo alguns insultos ocorrem desnecessariamente, principalmente quando você é jovem como o Volkan (Oezdemir) e está o auge, encarando algo tão grande pela primeira vez em sua carreira”, afirmou o campeão.

Maurício Shogun está fora do UFC Japão

Maurício Shogun está fora do UFC Japão 1
Reprodução: Getty Images

E uma notícia pegou todos de surpresa nesta noite (16). O ex-campeão Maurício Shogun sofreu uma lesão, e teve que ser retirado do combate que faria diante Ovince Saint Preux na luta principal do UFC Fight Night 117.

A informação foi publicada inicialmente pelo site “MMA Today News”. O Ultimate não perdeu tempo, e confirmou o japonês Yushin Okami como substituto do brasileiro. O veterano de 36 anos retorna ao UFC depois de quatro anos. No duelo mais recente, o peso-meio-pesado venceu Andre Lobato por decisão unânime no PFL.

Aos 35 anos, Shogun iria em busca da quarta vitória consecutiva. Em seu último combate, o brasileiro venceu o americano Gian Villante por nocaute técnico no UFC Fight Night 106. Na carreira, o curitibano possui 25 vitórias e 10 derrotas.

O UFC Fight Night 117 será realizado na Saitama Super Arena, em Saitama no Japão, no dia 23 de setembro.

UFC Fight Night 116: Maurício ‘Shogun’ encara Ovince St-Preux em revanche na luta principal em Saitama, no Japão

UFC Fight Night 116: Maurício 'Shogun' encara Ovince St-Preux em revanche na luta principal em Saitama, no Japão 2
Foto: Dario Ferrari | TV Fight | Tudo Sobre MMA.

Parece que o pedido do ex-campeão do GP do Pride FC e também dos pesos meio-pesados do UFC Maurício ‘Shogun’ Rua foi atendido pelo Ultimate. Logo após a pesagem cerimonial do UFC 212, na Jeunesse Arena, no Rio de Janeiro, nós, da TV Fight e a Tudo Sobre MMA, conversamos com o curitibano, que revelou com exclusividade a vontade de retornar ao Japão para competir e na noite desta quarta-feira (05), o seu pedido foi atendido pela franquia presidida por Dana White.

Vindo de uma boa sequência de três vitórias, sobre Rogério ‘Minotouro’ no UFC 190 em agosto de 2015 no Rio de Janeiro, Corey Anderson no UFC 198 em sua terra natal, Curitiba, no Paraná e sobre Gian Villante no UFC Fight Night 106 em Fortaleza, no Ceará e recuperando-se do pior momento de sua carreira, o brasileiro irá encarar o haitiano Ovince St-Preux, em uma revanche, válida pela categoria dos pesos meio-pesados da organização.

No primeiro encontro entre os dois, vitória do ‘gringo’ com um nocaute avassalador, no UFC Fight Night 56, realizado no Ginásio Municipal Tancredo Neves em Uberlândia, Minas Gerais, aqui mesmo no Brasil, em novembro do ano de 2014, com apenas 34 segundos de combate, mas agora, Maurício terá a oportunidade de vingar-se do atropelo sofrido neste evento, no UFC Fight Night 116, que acontecerá no dia 23 de setembro, na Saitama Super Arena, em Saitama, no Japão, e este duelo será a luta principal desta edição.

St-Preux vem de amargou um mal momento assim como o brasileiro, sofrendo três derrotas seguidas, ficando na corda bamba, mas recuperou-se ao aplicar uma chave de ombro no também tupiniquim Marcos Rogério ‘Pezão’ no UFC Fight Night 108 realizado em abril deste ano de 2017.