Tag: Justin Gaethje

Em luta histórica, Justin Gaethje surpreende e derrota Tony Ferguson

Além de um evento histórico, o UFC 249 protagonizou uma das melhores lutas dos últimos tempos. Tony Ferguson e Justin Gaethje não decepcionaram e fizeram um duelo eletrizante na luta principal neste sábado para domingo em Jacksonville na Flórida. Com uma performance histórica, Gaethje dominou o favorito Tony Ferguson e liquidou o cinturão interino dos leves por nocaute técnico.

A luta: Ferguson começou mais agressivo, indo para cima de Justin Gathje, que tentava responder no contragolpe. Em aproximação, foi a vez de Justin levar a melhor com um golpe de direita. Tony não se intimidou e continuou indo para cima, variando entre ataques na perna e por cima. Ainda na reta final Gathje encaixou um potente cruzado.

O embate continuou tenso no segundo round. Os dois trocavam golpes limpos na média para curta distância. Ferguson atacava e Gaethje não se intimidava e também conseguia conectar bons golpes. Um upper de direita de Ferguson nos segundos finais levou Gaethje ao solo.

No terceiro round Justin já demonstrava cansaço, enquanto Ferguson aparentava estar mais ligado e continuava pressionando o oponente. Um direto de direita de Gaethje balançou Tony Ferguson que recuou. Justin seguiu conectando mais socos potentes no frontal de Ferguson que resistia e não se abalava e mantinha uma postura agressiva.

O penúltimo round prosseguiu frenético. Nenhum dos dois esboçava um jogo de solo e não pararam em nenhum instante de trocar golpes francos. Justin mesmo se mostrando mais cansado emplacava mais contundência nos socos. Ferguson mostrava domínio do centro do octógono mas não conseguia acertar as melhores sequências.

Justin Gaethje encaminhava a melhor performance de sua carreira no quinto round. Golpes limpos e certeiros no frontal minavam Ferguson. Justin friamente achava com facilidade o rosto de Tony com potentes variações de socos. Em mais uma nova sequência avassaladora de Gaethje, o árbitro central Herb Dean interrompeu a luta. Em decisão oficial, Justin Gaethje saiu o vitorioso por nocaute técnico aos 3m39s do quinto round.

VEJA TODOS OS RESULTADOS DO UFC 249

UFC 249 – Resultados: Tony Ferguson x Justin Gaethje

O Ultimate retornou com força máxima neste sábado em Jacksonville, no estado da Flórida com o UFC 249. Com autorização do governo americano, a organização realizou o evento com portões fechados.

A edição contou com duas disputas de cinturões. A primeira foi pelo cinturão peso-galo onde o campeão Henry Cejudo defendeu o título contra Dominick Cruz. Na luta principal da noite, Tony Ferguson e Justin Gaethje disputaram o cinturão interino dos leves.

BRAZUCAS EM AÇÃO: Vicente Luque foi o primeiro representante verde e amarelo na noite. O brasiliense buscou recuperação diante de Niko Price na categoria dos meio-médios. Também no card preliminar, o gaúcho Fabricio Werdum retornou após um bom tempo fora do octógono em decorrência de uma suspensão da USADA (Agência Antidoping dos Estados Unidos) em confronto contra o veterano Alexey Oleynik.

Ronaldo Jacaré também estava escalado para o card, mas foi retirado da luta contra Uriah Hall após testar positivo para o novo coronavírus.

RESULTADOS EM TEMPO REAL:

CARD PRINCIPAL:
Peso-leve: Justin Gaethje venceu Tony Ferguson por nocaute técnico aos 3m39s do quinto round
Peso-galo: Henry Cejudo venceu Dominick Cruz por nocaute técnico aos 4m58s do segundo round
Peso-pesado: Francis Ngannou venceu Jairzinho Rozenstruik por nocaute (soco) aos 20 segundos do primeiro round
Peso-pena: Calvin Kattar venceu Jeremy Stephens por nocaute (cotovelada) aos 2m49s do segundo round
Peso-pesado: Greg Hardy venceu Yorgan De Castro por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-27)


CARD PRELIMINAR:
Peso-leve: Anthony Pettis venceu Donald Cerrone por decisão unânime (29-28, 29-28, 29-28).
Peso-pesado: Alexey Oleynik venceu Fabricio Werdum por decisão dividida (29-28, 28-29, 29-28)
Peso-palha: Carla Esparza venceu Michelle Waterson por decisão dividida (30-27, 27-30, 29-28)
Peso-meio-médio: Vicente Luque venceu Niko Price por nocaute técnico (interrupção médica aos 3m37s do terceiro round
Peso-pena: Bryce Mitchell venceu Charles Rosa (30-25, 30-25, 30-24)
Peso-meio-pesado: Ryan Spann derrotou Sam Alvey por decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28).

Justin Gaethje se revolta com possibilidade de Khabib x Conor: “Vou socar o nariz do Dana White”

O lutador Justin Gaethje não ficou nenhum pouco feliz ao ser perguntado sobre uma possível revanche para Conor McGregor em duelo contra o campeão Khabib Nurmagomedov. Em entrevista para ESPN, o americano se revoltou e sobrou para o presidente da companhia, Dana White.

“Eu não posso levar isso em conta. Eu vou ser demitido. Eu vou socar o nariz do Dana White. Se você tirar essa oportunidade da minha mesa, então vou brigar com você. Isso não é justo e eu não vou aceitar. Eu sou muito equilibrado, eu respeito o chefe, mas se ele tentar fazer isso, vai entrar em uma guerra’, disse Justin.

Leia também: Dana White revela arrependimento e critica Yoel Romero

Gaethje vem embalado com três vitórias e está de olho no confronto entre Khabib e Tony Ferguson no dia 18 de abril mirando uma possível disputa de cinturão da divisão dos leves.

Curta o ‘Tudo Sobre MMA’ no Facebook! 

Justin Gaethje nocauteia Cerrone no 1º round no UFC Vancouver

Na noite deste sábado (14), foi realizado na Rogers Arena em Vancouver, Columbia Britânica, no Canadá, o UFC Vancouver (UFC Fight Night 158), e no duelo principal, o norte americano quarto colocado do ranking peso-leve Donald Cerrone encarou seu compatriota, quinto colocado do ranking e ex-campeão do extinto WSOF (atual PFL) Justin Gaethje.

Ainda no primeiro round do combate, Justin Gaethje e Donald Cerrone, como era de se esperar, saíram em uma trocação frenética, que foi melhor para o ‘Highlight’, que conectou golpes contundentes que levaram Cerrone a sucumbir, até a interrupção do árbitro central com pouco mais de 4 minutos de luta.

Justin Gaethje anotou sua vigésima primeira vitória, a terceira consecutiva no UFC. Cowboy Cerrone amargou seu décimo terceiro revés como profissional.

Acompanhe todos os resultados do UFC Vancouver

Foto: Getty Images

UFC Vancouver – Resultados: Donald Cerrone x Justin Gaethje

O UFC retornou a cidade de Vancouver, no Canadá para mais uma edição, neste sábado (14). O confronto principal aconteceu pela divisão dos leves, entre Donald Cerrone e Justin Gaethje em um duelo bastante aguardado. A co-luta principal foi protagonizada entre o brasileiro Glover Teixeira diante de Nikita Krilov.

Mais brazucas em ação: Augusto Sakai abriu a noite brasileira diante de Marcin Tybura na última luta do card preliminar. Já no card principal, Antônio Cara de Sapato enfrentou Uriah Hall, e logo em seguida Michel Pereira freou sua ascensão ao ser derrotado por Tristan Connelly.

RESULTADOS EM TEMPO REAL DO UFC VANCOUVER:

Card principal:

Peso leve: Justin Gaethje venceu Donald Cerrone por nocaute técnico aos 4m18s do primeiro round
Peso meio-pesado: Glover Teixeira venceu Nikita Krylov por decisão dividida
Peso pesado: Confronto entre Todd Duffee e Jeff Hughes foi declarado ‘No Contest’ após dedo no olho
Peso meio-médio: Tristan Connelly venceu Michel Pereira por decisão unânime (29-28, 29-27, 29-27)
Peso médio: Uriah Hall venceu Antônio Cara de Sapato venceu por decisão dividida (29-28, 28-29, 29-28)
Peso meio-pesado: Misha Cirkunov venceu Jim Crute por finalização aos 3m38s do primeiro round

Card preliminar:

Peso pesado: Augusto Sakai venceu Marcin Tybura por nocaute técnico aos 59s do primeiro round
Peso galo: Miles Johns venceu Cole Smith por decisão dividida (29-28, 28-29, 29-28)
Peso galo: Hunter Azure venceu Brad Katona por decisão unânime (29-28, 30-27, 29-28)
Peso pena: Chas Skelly venceu Jordan Griffin por decisão unânime (29-28, 29-28, 29-28)
Peso galo: Louis Smolka derrotou Ryan MacDonald por nocaute técnico (socos) aos 4m:43s do primeiro round
Peso leve: Austin Hubbard derrotou Kyle Prepolec por decisão unânime (29-28, 29-28, 29-28)

Foto: Getty Images

Justin Gaethje e Donald Cerrone fazem a luta principal do UFC Vancouver

O UFC confirmou a luta principal do UFC Vancouver, que acontece no dia 14 de setembro, na cidade canadense. Segundo o portal “Yahoo” a luta será um explosivo encontro entre Justin Gaethje e Donald Cerrone na categoria dos leves.

Veterano e funcionário do MMA, Cerrone vai para mais uma luta em 2019. Esse ano ele já vencer Alexander Hernandez e Al Iaquinta. Em seu último combate, acabou derrotado por Tony Fergunson no UFC 238, em junho.

Justin Gaethje é um dos lutadores favoritos do público. Ele vem de duas grandes vitórias sobre James Vick e Edson Barboza, ambas por nocaute no primeiro round.

Foto: Getty Images

UFC Filadélfia: Justin Gaethje atropela Edson Barboza no primeiro round

O UFC on ESPN 2 acabou de forma espetacular. Realizado na cidade da Filadélfia, uma das principais cidades da Pensilvânia. A luta principal foi entre Edson Barboza e Justin Gaethje. O card ainda contou com os brasileiros Sheymon Moraes e Marina Rodriguez.

A luta começou de modo esperado, os dois lutadores trocaram vários chutes entre si, até que Gaethje avançou e conectou bons socos que fizeram Edson recuar. A luta começou a ficar franca, até que a mão direita de Gaethje atingiu em cheio e nocauteou Edson Barboza ainda no primeiro round.

Na abertura do card principal, Sheymon Moraes fez um duelo equilibrado com o nigeriano Sodiq Yusuff. O brasileiro vinha ganhando o combate até levar um nockdown no terceiro round e viu seu adversário ser declarado vencedor por decisão unânime.

Marina Rodriguez enfim conseguiu sua primeira vitória no UFC. A brasileira dominou e massacrou a americana Jessica Aguilar e venceu por decisão unânime.

Confira os resultados:

CARD PRINCIPAL:

Peso leve: Justin Gaethje derrotou Edson Barboza por nocaute a 2m30s do R1

Peso médio: Jack Hermansson finalizou David Branch com uma guilhotina a 49s do R1

Peso pena: Josh Emmett derrotou Michael Johnson por nocaute a 4m14 do R3

Peso palha: Michelle Waterson derrotou Karolina Kowalkiewicz na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso meio-pesado: Paul Craig finalizou Kennedy Nzechukwu com um triângulo a 4m20s do R3

Peso pena: Sodiq Yusuff  derrotou Sheymon Moraes na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-27, 29-28)

CARD PRELIMINAR:

Peso palha: Marina Rodriguez derrotou Jessica Aguilar na decisão unânime dos juízes (29-26, 29-27, 29-27)

Peso leve: Desmond Green derrotou Ross Pearson por nocaute técnico 2m52s do R1

Peso pena: Kevin Aguilar derrotou Enrique Barzola na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso médio: Kevin Holland derrotou Gerald Meerschaert na decisão dividida dos juízes (29-27, 28-29, 30-27)

Peso mosca: Casey Kenney derrotou Ray Borg na decisão unânime dos juízes (29-28, 30-27, 29-28)

Peso mosca: Maryna Moroz derrotou Sabina Mazo na decisão unânime dos juízes (30-27, 29-28, 29-28)

Peso galo: Alex Perez derrotou Mark de la Rosa na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

UFC Lincoln: Justin Gaethje brutaliza James Vick no primeiro round

O Ultimate aterrissou neste sábado (27), em Lincoln, Nebraska, Estados Unidos para a realização do UFC Fight Night 135. O evento contou com 13 lutas, sendo seis delas com brasileiros. Na luta principal, Justin Gaethje e James Vick se enfrentaram pela divisão dos leves.

Em uma luta prevista para cinco rounds, Justin Gaethje se recuperou de duas derrotas (Eddie Alvarez e Dustin Poirier) após aplicar um nocaute brutal sobre James Vick no primeiro round. Agora, “The Highlight” acumula 19 vitórias e apenas duas derrotas na carreira, enquanto Vick interrompe uma sequência de quatro triunfos consecutivos.

A luta: Confronto se iniciou com Justin Gaethje cercando James, que respondia com alguns chutes. Em uma tentativa de aproximação, Vick abafou a pressão de Justin com mais chutes. Em outra tentativa de encurtar à distância, Justin Gaethje acertou um fortíssimo overhand de direita terminando à luta aos 1m27s por nocaute no primeiro round.

BRASILEIROS EM AÇÃO:

UFC Lincoln: Justin Gaethje brutaliza James Vick no primeiro round 1
Deiveson Figueiredo nocauteia John Moraga. (Foto: Getty Images)

Último brasileiro à lutar na noite, Deiveson Figueiredo se firmou de vez no top da divisão dos moscas. O paraense de 30 anos de idade acumulou sua 15º vitória na carreira, e seguiu sem saber o que é ser derrotado no MMA profissional. Deiveson não se intimidou com o experiente John Moraga, e por nocaute técnico anotou o quarto triunfo no UFC.

Campeão do TUF Brasil 3, Warlley Alves acabou sendo surpreendido por James Krause ao ser nocauteado no segundo round após uma joelhada brutal, que deixou o brasileiro sem condições para seguir no combate. Essa foi a primeira derrota via nocaute na carreira do mineiro.

Em uma das lutas mais empolgantes da noite, o duro Cory Sandhagen levou o público à loucura depois de resistir bravamente em uma chave de braço aplicada pelo manauara Iuri Marajó. Mesmo com o braço envergado, Cory virou de forma fantástica ao nocautear Iuri no segundo round.

O embate entre Markus Maluko e Andrew Sanchez talvez seja o mais controverso da noite. Em confronto disputadíssimo pela categoria dos meio-médios, o americano levou a melhor sobre o brasileiro na decisão unânime dos juízes laterais.

Possivelmente em sua luta de despedida no UFC, Kalindra Faria bem que tentou afastar à má fase ao fazer “quase” um bom primeiro round. A peso-palha acabou sendo surpreendida por Joanna Calderwood nos segundos finais da primeira etapa, após a escocesa executar um forte triângulo finalizando o duelo aos 4m57s. Essa foi a terceira derrota de Kalindra no Ultimate.

Outro brasileiro no páreo dos galos, é Rani Yahya. O brasiliense brilhou ao terminar o combate em sua especialidade, no jiu-jitsu. Rani precisou de um pouco mais de um minuto de luta para finalizar Luke Sander e acumular sua sétima vitória nas últimas oito lutas.

RESULTADOS DO UFC LINCOLN:

CARD PRINCIPAL
Justin Gaethje venceu James Vick por nocaute aos 1m27s do primeiro round
Michael Johnson venceu Andre Fili por decisão dividida (29-28, 27-30 e 29-28)
Cortney Casey venceu Angela Hill por decisão dividida (30-27, 28-29 e 29-28)
Bryan Barberena venceu Jake Ellenberger por nocaute técnico aos 2m26s do primeiro round
Deiveson Figueiredo venceu John Moraga por nocaute técnico aos 3m08s do segundo round
Eryk Anders venceu Tim Williams por nocaute aos 4m42s do terceiro round
CARD PRELIMINAR
James Krause venceu Warlley Alves por nocaute técnico aos 2m28s do segundo round
Cory Sandhagen venceu Iuri Marajó por nocaute técnico aos 1m01s do segundo round
Andrew Sanchez venceu Markus Maluko por decisão unânime (29-28, 29-28, 29-28)
Mickey Gall venceu George Sullivan por finalização aos 1m09s do primeiro round
Joanne Calderwood venceu Kalindra Faria por finalização aos 4m57s do primeiro round
Drew Dober venceu Jon Tuck por decisão unânime (30-27, 30-26 e 30-26)
Rani Yahya venceu Luke Sanders por finalização aos 1m31s do primeiro round

FOTO: Josh Hedges/Zuffa LLC / Getty

Al Iaquinta é retirado do UFC Lincoln, e Justin Gaethje recebe novo oponente

O UFC Fight Night 135 sofreu mudanças nesta quinta-feira (28). Após Al Iaquinta comunicar sua saída do card, o Ultimate agiu rápido, e anunciou James Vick como novo oponente de Justin Gaetjhe. A informação foi confirmada inicialmente pela ESPN.

Iaquinta não justificou sua retirada, e em comunicado oficial nesta manhã, o UFC também não revelou detalhes. O evento acontecerá no dia 25 de agosto em Lincoln, Nebraska, Estados Unidos.

Leia também: Johny Hendrick anuncia aposentadoria do MMA

Aos 31 anos de idade, James Vick vive bom momento na carreira. Após perder para Beneil Dariush em 2016, o americano acumulou quatro vitórias consecutivas, sendo a última sobre Francisco Massaranduba no UFC Fight Night 126 por decisão unânime. Na carreira, o peso-leve detém 13 vitórias e uma derrota.

Ex-campeão do WSOF (World Series of Fighting), Justin Gaethje busca recuperação. “The Highlight”, venceu Michael Johnson na estreia no UFC, entretanto, emplacou duas derrotas seguidas, diante de Eddie Alvarez via nocaute, e contra Dustin Poirier por nocaute técnico no UFC On Fox 29. Em seu cartel profissional, soma 18 triundos e dois revés.

CARD DO EVENTO ATÉ O MOMENTO:
Peso-leve: Justin Gaethje x James Vick
Peso-mosca: Deiveson Figueiredo x John Moraga
Peso-médio: Andrew Sanchez x Antônio Braga Neto
Peso-galo: Luke Sanders x Rani Yahya
Peso-médio: Eryk Anders x Tim Williams
Peso-leve: Drew Dober x Jon Tuck
Peso-palha: Alexa Grasso x Angela Hill

Justin Gaethje duela contra Al Iaquinta na luta principal do UFC Fight Night 135

A luta principal do UFC Fight Night 135 está confirmada. Conforme noticiou o jornalista Brett Okamoto, o confronto será entre Justin Gaethje contra Al Iaquinta, pela categoria dos leves.

Em busca de recuperação, Justin Gaethje vem de duas derrotas seguidas. Após estrear com vitória no TUF 25 Finale sobre Michael Johnson, o americano foi superado por Eddie Alvarez por nocaute e Dustin Poirier por nocaute técnico no UFC On Fox 29 em dois combates bastante movimentados. Na carreira “The Highlight”, possui 18 vitórias e duas derrotas.

Leia também: Conor McGregor fica acima de Neymar em lista de atletas mais pagos do mundo

Aos 31 anos de idade, Al Iaquinta detém um cartel com 13 vitórias e quatro derrotas. Depois de vencer Diego Sanchez por nocaute no UFC Fight Night 108 em abril de 2017, o peso-leve voltou ao octógono em abril de 2018 para enfrentar Khabib Nurmagomedov pelo cinturão. Na ocasião, Iaquinta foi chamado de última hora após Tony Ferguson ser retirado do evento. No confronto, o russo levou a melhor, e por decisão unânime, conquistou o título máximo.

O UFC Fight Night 135 será realizado na Pinnacle Bank Arena, em Lincoln, Nebraska nos Estados Unidos no dia 25 de agosto.

CARD DO EVENTO ATÉ O MOMENTO:

Justin Gaethje x Al Iaquinta
Andrew Sanchez x Antônio Braga Neto
Rani Yahya x Luke Sanders
Eryk Anders x Tim Williams

UFC Glendale: Alex Cowboy assegura prêmio de performance, e garante 50 mil dólares

Sem dúvidas, o UFC deve ter ficado bastante satisfeito com as performances dos lutadores do UFC On Fox 29 na última noite em Glendale, Arizona nos Estados Unidos. Em um evento recheado de grandes combates, o Ultimate após o evento anunciou os bonificados com 50 mil dólares (170 mil reais).

Como já era esperado, Dustin Poirier e Justin Gaethje garantiram a premiação por ser considerada a “luta da noite”. Pela performance da noite, Alex Cowboy e Adam Wieczorek foram os eleitos.

Leia também: Confira os resultados do UFC ON FOX 29

Em um embate emocionante, Poirier e Gaethje fizeram talvez a melhor luta de 2018. Em um show de trocação franca, Dustin levou a melhor sobre o ex-campeão do WSOF ao derrota-lo por nocaute técnico no quarto round. Assim como os dois, Adam Wieczorek também entrou para história. O polonês surpreendeu o canadense Arjan Bhullar ao finalizar a luta com uma omoplota. Essa foi apenas a segunda vez que esse golpe acabou com uma luta.

Chamado de última hora, Alex Cowboy mais uma vez surpreendeu os fãs de MMA. O brasileiro aguentou a pressão do ex-desafiante ao cinturão dos meio-médios Carlos Condit no primeiro round, e com uma guilhotina no segundo, se recuperou do revés sofrido para Yancy Medeiros em dezembro de 2017.

Em duelo acirrado, Dustin Poirier vence Justin Gaethje por nocaute no UFC On Fox 29

Realizado na Gila River Arena, em Glendale, Arizona nos Estados Unidos, o UFC On Fox 29 teve na sua luta principal o duelo entre Dustin Poirier e Justin Gaethje.

A luta: Justin Gaethje começou dominando o centro do octógono, enquanto Dustin Poirier buscava os contragolpes. Com Dustin soltando golpes retos com Jabs e diretos, Justin soltava fortes chute baixados seguidos de golpes cruzados. Na trocação franca, Poirier garantiu a vitória no primeiro round com socos bem aplicados magoando o rosto do seu oponente.

Como começou e terminou o primeiro round, o segundo também prosseguiu com ambos partindo para a troca franca de golpes. Dustin Poirier seguiu conectando as melhores sequências, ao mesmo tempo que Justin Gaethje seguiu andando para frente.

No terceiro round, Gaethje acertou forte golpe em Poirier que visivelmente sentiu, ficando de costas na grade. Melhor no terceiro round, Justin voltou a cercar Dustin, desferindo chutes baixos e combinações. Com menos de 50 segundos do terceiro round, Justin Gaethje teve um ponto retirado após colocar dedo no olho de Poirier.

No início do quarto round, Poirier acertou forte golpe de esquerda seguida de uma extensiva combinações de socos em Justin levando o fim do combate, por nocaute técnico.

Dustin Porirer emplacou a segunda vitória consecutiva após uma ‘luta sem resultado’ contra Eddie Alvarez no UFC 211. Na carreira, o peso leve acumulou o 23º triunfo. Em sua terceira luta no UFC, Justin Gaethje agora somou a segunda derrota seguida. O americano estreou com vitória sobre Michael Johnson, em seguida foi superado por Eddie Alvarez.

CONFIRA TODOS OS RESULTADOS DO UFC ON FOX 29

UFC On Fox 29 – Resultados: Dustin Poirier x Justin Gaethje

Com um interessante card, o Ultimate realiza neste sábado o UFC On Fox 29, em Glendale, Arizona nos Estados Unidos na Gila River Arena. Na luta principal, o esperado combate entre os americano Dustin Poirier e Justin Gaethje, pela divisão dos leves.

Na luta co-principal, chamado de última hora, o brasileiro Alex Cowboy tentará surpreender o ex-desafiante ao cinturão meio-médio Carlos Condit. O carioca foi escalado para enfrentar o americano na penúltima semana, decorrente de uma lesão de Matt Brown.

RESULTADOS EM TEMPO REAL:

CARD PRINCIPAL:
Peso-leve: Dustin Poirier venceu Justin Gaethje por nocaute técnico no quarto round
Peso-meio-médio: Alex Cowboy venceu Carlos Condit por finalização no segundo round
Peso-médio: Israel Adesanya venceu Marvin Vettori por decisão dividida
Peso-palha: Michelle Waterson venceu Cortney Casey por decisão dividida
CARD PRELIMINAR:
Peso-médio: Antônio Cara de Sapato venceu Tim Boetsch por finalização no primeiro round
Peso-meio-médio: Muslim Salikhov venceu Ricky Rainey por nocaute no segundo round
Peso-mosca: John Moraga venceu Wilson Reis por decisão unânime
Peso-médio: Brad Tavares venceu Krzysztof Jotko por nocaute técnico no segundo round
Peso-leve: Gilbert Durinho venceu Dan Moret por nocaute no segundo round
Peso-mosca: Lauren Mueller venceu Shana Dobson por decisão unânime
Peso-meio-médio: Yushin Okami venceu Dhiego Lima por decisão unânime
Peso-pesado: Adam Wieczorek venceu Arjan Bhullar por finalização no segundo round
Peso-galo: Alejandro Perez venceu Matthew Lopez por nocaute técnico no segundo round
Peso-galo: Luke Sanders venceu Patrick Williams por decisão unânime

Justin Gaethje enfrenta Dustin Poirier na luta principal do UFC On Fox 29

Em entrevista para Fox Sports nesta sexta-feira (20), o presidente do UFC Dana White confirmou a luta principal do UFC On Fox 29. O duelo será entre Justin Gaethje e Dustin Poirier pela divisão dos leves.

Ex-campeão do WSOF, Justin Gaethje vinha com uma sequência invicta de 18 vitórias na carreira até ser superado por Eddie Alvarez em seu último combate. Na ocasião, Justin foi derrotado por nocaute no UFC 218, em sua segunda luta no UFC.

Leia também: Jeremy Stephens encara Josh Emmett na luta principal do UFC On Fox 28

Dustin Poirier está no Ultimate desde 2011. O peso-leve detém um cartel com 22 vitórias e cinco derrotas. Atualmente, o americano vem de vitória sobre Anthony Pettis por finalização no UFC Fight Night 120.

O UFC On Fox 29 será realizado no dia 14 de abril em local ainda não definido.

CARD DO EVENTO ATÉ O MOMENTO:

Justin Gaethje x Dustin Poirier
Matt Brown x Carlos Condit

TUF 26: Eddie Alvarez e Justin Gaethje serão os treinadores

TUF 26: Eddie Alvarez e Justin Gaethje serão os treinadores 2

Conforme apurou o jornalista “Luke Thomas”, Eddie Alvarez e Justin Gaethje serão os treinadores do The Ultimate Fighter 26. A edição irá premiar a primeira campeã peso mosca. Os dois pesos-leves se enfrentarão na final, em data ainda não divulgada.

O ex-campeão dos leves, Eddie Alvarez vai em busca de recuperação. O americano foi derrotado por Conor McGregor no UFC 205, e teve o combate contra Dustin Poirier como “No Contest”no UFC 211, após receber joelhadas ilegais.

Com um cartel invicto com 18 vitórias, Justin Gaetjhe vai em busca da segunda vitória consecutiva no UFC. O ex-campeão do WSOF, venceu Michael Johnson por nocaute técnico na luta principal do TUF 25 Finale.