• Início
  • UFC
  • Após nocaute, Dana se impressiona com Chimaev: “Nunca vi nada igual”

Após nocaute, Dana se impressiona com Chimaev: “Nunca vi nada igual”

O checheno naturalizado sueco, Khamzat Chimaev, vem impressionando o mundo do MMA com suas performances no octógono do UFC. E quem parece encantado com seu talento é o presidente da companhia, Dana White. Em coletiva após o UFC Vegas 11, o dirigente não poupou elogios ao peso-médio.

“Chimaev é especial. Estou a minha vida toda no ramo de lutas e nunca vi nada igual. Ele é diferente, e já quer lutar novamente. Nunca estive em uma posição na qual eu não saiba quem colocar para lutar diante de um atleta, como levá-lo para um lugar ou outro. É divertido, eu gosto disso. Quando você é um fã de lutas, você ama ver as lutas de um cara assim, você o segue, o odeia. Ele é um dos caras mais especiais que eu já vi, se não o mais especial”, disse Dana. (Tradução retirada do site Combate).

Chimaev fez uma nova vítima no último sábado (19). É a terceira vitória consecutiva do atleta no Ultimate em menos de 70 dias. Sua estreia na organização aconteceu no dia 15 de julho, quando finalizou John Philips. Uma semana depois, venceu Rhys McKee por nocaute técnico e fechou a trinca derrotando Gerald Meerschaert também por nocaute, dessa vez com apenas 17 segundos de luta.

Veja nossas últimas notícias

Mas agora o futuro do sueco ainda é uma incógnita. O triunfo rápido no último sábado animou Dana White, que revelou que Chimaev poderá fazer outra luta em breve, antes de enfrentar o brasileiro Demian Maia.

“Ele pode até fazer uma luta antes mesmo de encarar Demian Maia! Maia não vai estar pronto a tempo para esse garoto. Ele não teve muito tempo para treinar aqui, e soube que andou treinando no estacionamento do hotel. Esse menino é fascinante, e se eu puder levá-lo para a Ilha da Luta, eu levarei”, revelou Dana.

Dana também se mostrou surpreso com a postura de Chimaev fora do octógono, pelo fato do atleta sempre estar pedindo lutas, além de prometer grandes performances estar cumprindo com as mesmas.

“Antes dessa luta ele vinha me perguntando: “Você acha que eu sou um wrestler? Espere até ver os meus socos.” E ele não estava mentindo. Quando estávamos na Ilha da Luta, após finalizar John Phillips, já me disse que queria fazer mais uma luta lá mesmo. Eu disse: “É o que você quer? Tudo bem.” Demos uma luta logo depois, contra Rhys McKee, e ele venceu de novo de forma espetacular. E, em seguida, ele pediu para lutar em Las Vegas, e fez o que fez aqui. Estou dizendo, nunca vi nada nem perto disso na vida”, falou Dana White.

Ouça nosso podcast – Spotify | Deezer | Itunes